Brincadeira com o subjuntivo

poema de Ruth Salles

Desenho de lousa de Beatriz Retz.

Sugestão da autora: Metade da classe fica sentada; a outra se movimenta. Depois revezam-se. Na primeira parte da brincadeira, os que se movimentam dão 3 pulinhos até a carteira do colega que está sentado, dão-lhe a mão e retornam a seu lugar. Na segunda parte, dão a volta na sala saudando todos os que estão sentados.

SAUDANDO A VIZINHANÇA

Se eu desse três pulinhos,
depressa chegaria
à casa do vizinho.

Cheguei. Agora, então,
que eu lhe estenda a mão
e que lhe dê, assim,
a minha saudação.

E, quando eu terminar
um gesto assim amigo,
dando-lhe adeus,
com três pulinhos
posso voltar
ao meu cantinho.

Se agora eu caminhasse
– quem anda não se cansa –
talvez então passasse
por toda a vizinhança.

“Olá! Olé! Alô!”
“Eu tiro o meu chapéu!”
“E eu agito o lenço!”
Que o sol brilhe no céu!
Que Deus lhes dê saúde!
Eu digo e também penso!”

Quando eu enfim chegar
de volta ao meu lugar,
eu paro bem sentado
e fico sossegado.

 

 

***