Categoria: Mundo Encantado

Poemas sobre fadas, gnomos, gigantes, bruxas, príncipes, princesas etc.

Dedalzinho

poema de Conrad Ferdinand Meyer traduzido e recriado por Ruth Salles

Desenho de lousa da professora Juliana Nogueira.

Quem souber me diga, onde
Dedalzinho mora?
Lá no vale, longe, longe,
onde um rio aflora.
Desde que era criancinha,
já trazia a corcundinha.
A seu passo balançado
nada se assemelha,
e seu queixo, ao estar sentado,
bate nos joelhos.

Continuar lendo “Dedalzinho”