O moço e o ladrão

Fábula de Esopo

Um rapaz estava sentado na borda de um poço e viu que se aproximava um ladrão. Percebendo-lhe a intenção, fingiu que chorava amargamente. O ladrão então perguntou-lhe que motivo tinha para se afligir daquela maneira. O esperto moço disse-lhe que tinha vindo tirar água do poço com um cântaro de ouro, mas a corda havia arrebentado e o cântaro ficara lá embaixo. Assim que o ladrão ouviu isso, despiu a roupa e movido pela cobiça desceu ao poço em procura do que não podia encontrar, porque não existia. O moço então agarrou a roupa do ladrão e desatou a fugir.

***