O leão e os quatro bois.

Fábula de Esopo

Quatro bois, que pastavam sempre juntos num prado, juraram eterna amizade; quando o leão os atacava, defendiam-se tão bem, que nunca morria nenhum.

O leão compreendeu que não poderia lutar estando eles unidos, e por isso armou uma intriga, dizendo a cada um em particular que os outros o aborreciam e falavam mal dele. Desta maneira conseguiu infundir suspeitas entre os bois de tal maneira, que finalmente quebraram a aliança e separaram-se. Então o leão os foi comendo um a um e o último boi ao morrer, exclamou:

– “Nós que temos a culpa da nossa morte, pois demos crédito aos maus conselhos do leão, e separamo-nos. Assim, foi-lhe fácil devorar-nos.”

***